• img
Tecnologias de segurança são decisivas para redução de acidentes nas rodovias

Marca líder em segurança, a Volvo segue firme com sua determinação de produzir os veículos mais seguros do mercado. Desde a sua fundação, em 1927, a Volvo investe em inovação e tecnologias para oferecer mais segurança ao transporte de carga e passageiros. Ao adotar a visão Zero Acidentes, o Grupo Volvo reforça o seu compromisso com a segurança.

Os novos caminhões da Linha F, lançados no Brasil no segundo semestre do ano passado, levam o transporte de carga a um novo patamar em termos de tecnologia, produtividade e segurança.

O novo FH mantém sua liderança como o caminhão mais seguro do mundo. A nova cabine é mais ampla e ainda mais forte que a anterior, com uma célula de sobrevivência que diminui o impacto dos acidentes nos ocupantes da cabine. É produzida com materiais de resistência elevada, como o aço bifásico nas barras de absorção de choque e nas portas; e o aço mais resistente disponível atualmente para os painéis da carroceria, moldado em prensa termoendurecido de resistência ultra elevada. “Com o uso destes aços de novas qualidades pudemos projetar uma cabine mais resistente, sem aumentar o peso”, afirma Glênio Karas, engenheiro de vendas da Volvo.

Toda a área envidraçada do FH foi ampliada e os retrovisores têm agora um design mais arrojado. O novo design e as colunas mais estreitas permitiram uma redução de cerca de 20% da obstrução da visão do motorista. A visibilidade ampliada garante uma viagem ainda mais segura e menor risco de acidentes.

O ACC (Piloto Automático Inteligente) também passou por melhorias e agora pode fazer frenagens de emergência até o caminhão parar totalmente. As luzes de freios agora podem piscar intermitentemente no caso de frenagens bruscas, alertando os veículos que vêm atrás, diminuindo assim os riscos de colisão traseira. O veículo pode também vir equipado com Faróis Dinâmicos, que acompanham o movimento da direção, e como equipamento de série, o freio de estacionamento possui acionamento elétrico – basta desligar a ignição do veículo e retirar a chave para promover o estacionamento de toda a composição automaticamente.

O FUPS (Front Underrun Protection System, em português Sistema Anti-intrusão Frontal) também foi aperfeiçoado para garantir mais resistência à impactos frontais. O sistema foi desenvolvido para proteger os ocupantes de veículos menores no caso de colisões frontais, evitando que o automóvel entre embaixo do caminhão.

Outra novidade é a oferta de um freio auxiliar, o retarder, além do já poderoso freio motor Volvo VEB, agora com até 510cv, o que garante um poder de frenagem somado de mais de 1.100 cv de potência, no caso de um caminhão equipado com motor de 13 litros.

O conforto do motorista também é fundamental para a segurança. Maior conforto e ergonomia garantem mais atenção do condutor no trânsito. Os novos caminhões Volvo foram desenvolvidos pensando no motorista e todas as novidades foram introduzidas objetivando melhorias para ele: uma cabine um metro cúbico maior que a anterior, garantindo mais 300 litros de área de armazenamento, e um banco ainda mais confortável para a viagem; painel totalmente novo, com botões e funções ainda mais à mão e mostradores no centro; uma coluna de direção com o maior número de ajustes do mercado; um teto solar que pode ser usado como saída de emergência em caso de tombamento e a VDS (Volvo Dynamic Steering) um novo sistema de direção que revoluciona a dirigibilidade, manobrabilidade e segurança do caminhão.

A suspensão dianteira também é totalmente nova. Recebeu uma nova geometria das molas e também uma nova calibragem dos amortecedores, além da nova suspensão a ar com freios a tambor. “Ela melhorou ainda mais a dirigibilidade em altas velocidades, tornando também a direção mais firme em mudanças de faixas, ultrapassagens e em curvas”, destaca Glênio Karas, engenheiro de vendas da Volvo.

Tecnologias tradicionais

Além das inovações, os novos caminhões são equipados com as tradicionais tecnologias de segurança. O novo FH pode vir equipado, por exemplo, com o ESP (Controle Eletrônico de Estabilidade), ACC (Piloto Automático Inteligente), LKS (Monitoramento da Faixa de Rodagem), entre outros itens de segurança.

O ESP, já utilizado nos ônibus Volvo, é um moderno equipamento que reduz a possibilidade de derrapagem e capotagem em curvas. Quando o caminhão entra numa curva com uma velocidade excessiva, por exemplo, o sistema automaticamente reduz o torque do motor e faz uma aplicação individual dos freios nas rodas, corrigindo a trajetória da composição.

Já o LKS (Lane Keeping System) alerta o motorista caso o veículo saia da faixa de rodagem em virtude de um descuido ou desatenção, e é muito útil para evitar acidentes casuais, mas muito graves. Este mecanismo integra também um moderno dispositivo – o DAS, o Detector de Nível de Atenção. O equipamento é acionado automaticamente quando o condutor apresenta um estilo de condução irregular, ziguezagueando o veículo na pista, um comportamento característico de fadiga e sonolência ao dirigir.
O caminhão pode vir equipado ainda com Farol de Conversão, um farol adicional que se acende quando o motorista aciona a seta do pisca-pisca.

Compartilhe isso:

Sem comentários!

Deixe um Comentário